Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




por Vânia, em 17.01.09

Já passamos por aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 17.01.09

Agora

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 16.01.09

Sacos e análises

Olá.

 

Ando a tratar de escolher como quero os saquinhos para colocar a roupinha da bebé na maternidade. Quem vai fazer é a  minha colega, mas ainda não decidi bem como os quero. Sou uma esquisita... LOL

 

Hoje vou buscar o resultado das análises. Esperamos que esteja tudo OK. Dia 21 vou mostrá-las à médica.

E não me posso esquecer de lhe falar:

 

- dores nas costas

- obstipação

- vacina do tétano

- posição para dormir

 

Tenho sono, para variar. LOL Bom fim de semana para vocês. Nós vamos trabalhar.

 

Beijocas.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 13.01.09

Bricolage

Nos últimos dias o Filipe tem-se dedicado à bricolage. Foi a sua dedicação que fez com que o quarto da bebé já tenha a cómoda montada e o candeeiro, o varão e as prateleiras colocados. Em breve coloco aqui fotos. Mas a nossa casinha também não foi esquecida. Aproveitamos as promoções de uma certa loja de bricolage LOL e compramos o candeeiro para a nossa sala, para uma secção do corredor e ainda um porta-rolos para a nossa casa de banho. O candeeiro da sala deixou o meu gajo extasiado... era mesmo aquilo que ele queria. E é óbvio que gostamos de ver a casa ficar como nós gostamos, especialmente nesta altura em que aquela casa parece transbordar energia positiva.

 

Beijinhos sorridentes

 

PS) A Teresa manda pontapés do seu T0. Sintam-se... pontapeados.

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 11.01.09

O enxoval da Teresa

 

Estas são algumas das coisinhas da Teresa. Ainda faltam aqui algumas, mas colocarei noutro slide. Estas são as coisinhas que compramos ou que nos ofereceram porque ainda temos mais. HEHEHE Para a descrição basta colocar o rato em cima da foto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 09.01.09

Apetites

Atenção, apetites e não desejos. Existe uma diferença. Talvez ténue, mas existe. Eu explico a situação. Existem por aí muitas grávidas que falam nos famosos desejos em que basicamente obrigaram o pai da criança a ir comprar ananás às 4 da manhã ou que foram "desnaturadas" e andaram uma semana a pensar num alimento e só depois se atreveram a abrir a boca e correram o risco da criança sair com forma de alho francês ou qualquer coisa. Pois bem. Eu não tenho desejos. Tenho apetites.

 

Exemplos?

 

- Aí há tempos por causa da obstipação resolvi que tinha que comer kiwis. Fomos ao supermercado e comprei. Nunca tinha comprado kiwis e não fazia ideia de que tinham que ser comprados maduros (contrariamente a tanta outra fruta). Descasquei o raio do kiwi... e era tão duro e amargoso.... (porque seria?)... mas comi. E soube-me tãooo bem.. LOL

 

- Não posso ver ninguém a comer alguma coisa que fico cheia de vontade de comer também. Quando estivemos em casa dos meus sogros, os meus sobrinhos andaram quase a luta por um pacote de batatas fritas. Eu não abri a boca, mas aposto que se tivesse comido apenas a uma a coisa teria ficado por ali. Quando fomos meter gasolina para vir embora, o Filipe perguntou se eu queria alguma coisa e eu respondi que queria um chocolate. Ele saiu e eu comecei a pensar que devia era comer um pacote de batatas fritas. Ele acabou por chamar-me para ir escolher o chocolate e eu não resisti. Fui direita à vitrine das batatas fritas mas - terror! - só havia embalagens gigantes. Pensei provavelmente uma vez que aquilo seria um exagero. A seguir peguei na embalagem. Comi um pacote dos grandes de Lays normais sozinha.... e no final ainda lambi os dedos.

 

- Os meus avós sempre beberam uma coisa que se chama caldo de farinha torrada. Eu fui habituada a beber aquilo em pequena e sempre adorei. Há uns dias estava em casa do meu avô e foram entregar um tabuleiro de farinha torrada. O cheirinho... já não bebia daquilo havia anos. Fui pedir à minha mãe para me dar um bocadinho de farinha para levar. Ela olhou para mim, fez aquele sorriso nr 345 de "estás com desejo, é?" e perguntou-me se eu queria que ela fizesse já uma chávena. Não me fiz rogada. Deliciei-me. Acho que agora posso aguentar outros 10 anos sem beber caldo de farinha torrada.

 

- Uma tarde sozinha em casa. Hora do lanche. O meu cérebro pensa em tostinhas com salada de carne. Vou direitinha ao frigorífico. Havia uma metade de uma caixa de salada de carne... e pimba. Foi toda. Acho que quanto mais houvesse mais teria ido.

 

Tem sido assim. Até agora tudo coisinhas fáceis de resolver. Penso nisso, apetece-me e vou comer. Nunca foi nada grave. Ainda não tive que ligar ao meu pai a pedir para fazer bifinhos à portuguesa com urgência ou feijão com arroz à minha mãe ou qualquer coisa assim do género. Ainda não exigi nada do gajo que não fosse só ele levantar-se e ir ao frigorífico. Mas diga-se de passagem que ele também não ajuda LOL Em pleno supermercado vai direito aos queijinhos e com um sorriso daqueles pergunta "queres levar?"... Portanto.... ele é um dos culpados dos meus pecados de gula porque me disponibiliza uma quantidade de snacks que nunca mais acaba...

 

E que contente que eu fico com isso...

 

Mas prometo que se tiver um desejo assim grave... tipo num acesso de insanidade apetecer-me coisas como beterraba, papas de milho, caldo verde, agriões etc, venho cá dizer.

 

Agora vou almoçar. Estive a manhã inteira a comer biscoitos biológicos de limão...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 09.01.09

2ªs Análises

Hoje foi dia de análises. Com um frio de rachar. O carro diz que estavam 1º. Fui atendida depressa. Hoje parece que era um dia difícil para encontrar veias em toda a gente e eu não fui diferente. Desta vez doeu-me... Claro que nem olhei para lá, senão caía para o lado.

Estava lá uma grávida a fazer a análise do acúcar. Fiquei a pensar que deve ser a minha próxima... LOL

 

Mas pronto. Venha. As análises estão prontas dia 16. Dia 21 vou à consulta com a médica. Vamos ver a piolha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 08.01.09

Aventura nr 2 na extensão do Centro de Saúde

Hoje foi dia de consulta no centro de saúde. Saí de casa atrasada mas consegui chegar lá eram 8h50. Estava eu e mais duas pessoas. Ainda nem sequer as funcionárias tinham chegado. Aquilo não tem aquecimento e estava tudo a bater o dente. O enfermeiro chegou, mas eu não queria nada dele. Ia só para que a médica me passa-se as análises. A senhora da secretaria chegou depois devia ser umas 9h30 e a médica só chegou perto das 10h. Ok, é um centro de saúde no fim do mundo. A médica ter aparecido já era uma sorte. Vai uma criança à frente. Ok. A seguir uma grávida que chegou depois de mim, mas mais grávida. Ok. A seguir chamam um senhor na casa dos 40. ??? Vou perguntar se se esqueceram de mim. Não, já me chamam. Ok. A seguir chamam uma velhota. Vou perguntar outra vez. Não se preocupe que já a chamam.

Começo a bufar. Pouco tempo depois chamam-me e enfiam-me no gabinete no enfermeiro. A senhora da secretaria entra pelo gabinete e diz "mas a Vânia não era só para a médica?" o enfermeiro lá diz que me vai atender à mesma. Aqui começa o filme. O enfermeiro pergunta se já fiz a eco. Eu respondo que ainda não fiz porque precisava das análises e a médica de família não tinha aparecido há duas semanas e tinha metido as Festas. Acho que ele sentiu isto como uma crítica. Começa a dar-me uma descasca. Que estas idas ao Centro de Sáude para ir pedir análises deviam acabar... se somos seguidos no particular o particular que se desenrasque. Começo a olhar para ele de lado. Pergunto-lhe se eles ali têm condições para me fazer ecografias. Responde-me que não, mas que mandam ir fazer a clínicas especializadas. Eu respondo que vou à consulta com a minha médica e que faço tudo lá e fico logo despachada. Ele diz-me "ah mas não sabe qual é o tipo de ecógrafo que ela tem, nem se é especializada...". Controlo-me e respondo-lhe que são opções. É curioso ter sido o enfermeiro a dar-me a descasca quando a própria médica de família disse que estava à minha disposição para aparecer sempre que precisasse para pedir análises, mas enfim. O enfermeiro lá me mediu a tensão: 10-6. Baixa como se quer. Óptimo. A seguir manda-me para a balança. Digo-lhe que ontem a noite na balança de casa digital pesa 47 kg e 800g, mas ele não presta atenção. A balança de ponteiro diz 46kg. E e o que ele escreve no boletim. OK. Manda-me ir fazer um chichi. Coisa fácil nos dias que correm. Faz a prova com a fitinha e diz que está tudo bem. Pergunta-me se tenho as pernas inchadas e verifica. Tudo bem, nada de pernas inchadas. Pergunta se tenho tido perdas vaginais. Não. Pergunta-me pela vacina do tétano. No boletim não estava assinalado. Digo-lhe que não está em dia e que a devia ter levado em Julho de 2007. Liga para o Centro de Saúde mesmo e escreve lá que a partir das 24 semanas devo ir levar a vacina. Eu já disse que odeio agulhas? Enfim... o que tem que ser.... Pergunta se tenho dúvidas. Assim de repente só me lembro de uma: disseram-me que não devia dormir de barriga para cima porque o bebé fica esmagado. O enfermeiro olha para mim com um ar de "mas vocês ainda acreditam nessas coisas?" e diz "durma para o lado e como lhe der melhor jeito. Se a mãe está bem, o bebé está bem. Agora se a mãe estiver mal o bebé também está mal." Menos mal. Eu já andava a dormir mal por causa dessa história de só dormir para os lados e preferencialmente para o lado esquerdo. Quem me disse, continua a dizer-me para perguntar à minha médica.

Passo então à médica. Simpática e querida como da última vez que estive com ela. Vê os valores da tensão e diz apenas para se estiver muito tempo de cabeça baixa ou isso para me levantar devagarinho não vá cair redonda no chão. Passa-me as análises. Queixo-me da minha obstipação. Receita-me um medicamento que irá ajudar mas diz-me também para tomar um copo de água morna de manhã com dois kiwis. Isto promete. À noite devo tomar então o tal medicamento. Disse-me também para caminhar ao fim de semana. Relativamente à comida disse-me para não comer pão integral mas sim pão normal. Fazer alimentação saudável. Mais peixinho que carne e de preferência carne branca. Beber muita água. Beber sumo de laranja (para o problema da obstipação).

Amanhã vou fazer as análises. Vou sozinha. O Filipe entra cedo no trabalho. Odeio análises... Odeio agulhas. E depois venho a correr para o trabalho porque tenho gravação no estúdio.

Ah... e saí do Centro de Saúde eram 11h da manhã.

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 07.01.09

Lista para o hospital - CHBA

Para a Mãe:

 

  • Robe
  • Camisas de noite
  • Chinelos
  • Cuecas descartáveis
  • Escova para o cabelo
  • Escova e pasta dos dentes
  • Shampoo
  • Sabão
  • Roupa para a alta
  • Soutien de amamentação
  • Toalha de banho

Para o Bebé:

  • 4 Mudas completas de roupa
  • Toalha de banho
  • Fraldas
  • Lençois
  • Cobertor

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Vânia, em 05.01.09

O Ano Novo

O Ano Novo foi passado a norte e foi bem simpático apesar da chuva cair insistentemente. Logo no dia em que chegamos fomos ao cinema com os sobrinhos ver o «Desperaux» que eu sinceramente gostei muito. No dia 24 dedicamo-nos aos doces. Fiz um bolo de chocolate enorme e o Filipe fez um doce 3 sabores (receita da comadre) que estava delicioso. A minha cunhada passou por lá antes de ir passar a noite com a família do marido. Jantamos os 5: eu, o Filipe, os meus sogros e a avó ele. Passamos a meia noite e depois fomos para a caminha. O almoço foi uma carninha assada muito boa. Depois do almoço fomos ao cinema os dois. Foi curioso porque apesar do Shopping ter as lojas fechadas estava cheio de gente que foi beber café ou lanchar. Aproveitamos e fomos ao cinema ver o «Madagáscar 2». Gostamos mais do primeiro. No dia seguinte viemos para baixo, mas antes passamos pela casa da minha cunhada que nos deu mais um saco de roupa que a pequenina dela já não veste e está impecável e fomos directos para casa dos nossos «compadres». Apanhamos muita chuva pelo caminho. Trocamos as prendas e jantamos os 4. O Filipe e o compadre lá foram enfiar a cama de grades no carro, que estava uma confusão porque para além dos nossos sacos já tinha o carrinho da bebé. Estivemos na conversa. Eu a folhear o livro que nos ofereceram "Manual de Instruções do bebé". Fartamo-nos de rir. É sempre bom rever os compadres. No dia seguinte saimos cedo porque o Filipe ainda tinha que ir trabalhar.

 

E pronto. As férias passaram depressa. Foram boas, mas passaram num instante. E agora cá estamos de volta ao trabalho. Para um novo ano que se aguarda cheio de mudanças boas.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim


Arquivo

  1. 2013
  2. JAN
  3. FEV
  4. MAR
  5. ABR
  6. MAI
  7. JUN
  8. JUL
  9. AGO
  10. SET
  11. OUT
  12. NOV
  13. DEZ
  14. 2012
  15. JAN
  16. FEV
  17. MAR
  18. ABR
  19. MAI
  20. JUN
  21. JUL
  22. AGO
  23. SET
  24. OUT
  25. NOV
  26. DEZ
  27. 2011
  28. JAN
  29. FEV
  30. MAR
  31. ABR
  32. MAI
  33. JUN
  34. JUL
  35. AGO
  36. SET
  37. OUT
  38. NOV
  39. DEZ
  40. 2010
  41. JAN
  42. FEV
  43. MAR
  44. ABR
  45. MAI
  46. JUN
  47. JUL
  48. AGO
  49. SET
  50. OUT
  51. NOV
  52. DEZ
  53. 2009
  54. JAN
  55. FEV
  56. MAR
  57. ABR
  58. MAI
  59. JUN
  60. JUL
  61. AGO
  62. SET
  63. OUT
  64. NOV
  65. DEZ
  66. 2008
  67. JAN
  68. FEV
  69. MAR
  70. ABR
  71. MAI
  72. JUN
  73. JUL
  74. AGO
  75. SET
  76. OUT
  77. NOV
  78. DEZ
  79. 2007
  80. JAN
  81. FEV
  82. MAR
  83. ABR
  84. MAI
  85. JUN
  86. JUL
  87. AGO
  88. SET
  89. OUT
  90. NOV
  91. DEZ


subscrever feeds